Ex-prefeita Márcia Marinho não pode assumir cargos públicos

O bem informado jornalista Jotônio Viana revela em seu blog que o prefeito de Caxias (MA) Fábio Gentil (PRB) convidara a ex-prefeita Márcia Marinho para ocupar a vaga deixada pela vereadora licenciada Aureamélia Soares (PCdoB) na Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres. O objetivo de FG seria barrar uma eventual debandada do vice-prefeito Paulo Marinho Júnior (PL) – rumores cada vez mais intensos dão conta que o rebento mariniano estaria propenso a saltar do barco gentiliano, provavelmente para apoiar a pré-candidatura do deputado estadual Adelmo Soares (PCdoB) a prefeito de Caxias.

Na mosca

Seria de fato uma jogada de mestre do ‘Cabeludo’, caso concretizasse o seu intento. Colocar MM numa pasta de tamanha visibilidade seria uma maneira de “amarrar” o vice PMJ, impedindo, assim, qualquer possibilidade de defecção.

O Impedimento

O problema é que a ex-prefeita é ficha suja e está impedida de ser nomeada, inclusive por uma alteração na Lei Orgânica do Município, de autoria deste redator – em 2011, quando estava vereador –, que proíbe a nomeação de servidores para cargos comissionados no Executivo e Legislativo que possuam condenação concedida por órgão colegiado (Tribunais de Justiça, de Contas, dentre outros) – e, no caso, a distinta senhora tem uma penca, sendo uma das campeãs do Maranhão no segmento.

Somente no Tribunal de Contas da União (TCU) MM pontua com doze penduricalhos (veja aqui).

Com Informações: http://ricardomarques.tv.br