Publicidade [660x100]

G1 MA – O agente penintenciário temporário Genilton Gomes foi preso em flagrante com 10 celulares e 10 Kg de maconha no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, na manhã desta sexta-feira (5). De acordo com a Polícia Civil, há a suspeita de que ele estava tentando entregar o material aos presos.

O caso foi encaminhado para a Superintendência de Combate a Corrupção. Segundo o delegado SECCOR, Luiz Augusto Mendes, Genilton informou que foi Policial Militar em São Paulo e que alguém tentou incriminá-lo ao colocar os produtos na mochila dele. No entanto, segundo o delegado, Genilton não soube explicar o porquê de alguém fazer isso e que o comportamento dele já era considerado suspeito antes do flagrante.

“Ele se dirigiu ao trabalho na manhã de hoje (5) e já havia uma suspeita em relação ao comportamento dele. Segundo o que foi falado, havia contato dele com presos em datas anteriores. Então quando ele chegou até a unidade e se dirigiu ao alojamento, o diretor da unidade e outros agentes foram até lá pra ver se tinha alguma coisa irregular e eles encontraram alguns tabletes de maconha e celulares, que possivelmente seriam levados para a unidade”, declarou o delegado.

Celulares e drogas foram apreendidos com Genilton na Penitenciária Regional de Pedrinhas (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Genilton foi encaminhando para a Central de Triagem de Pedrinhas. Ele irá responder por tentativa de tráfico de drogas e pelo crime de inserção de aparelho celular no ambiente prisional.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here