Junior Martins visita Projeto Frutificai no povoado Engenho D’Água

O pré-candidato a prefeito de Caxias Júnior Martins e o vereador Edílson  Martins estiveram visitando o “Projeto Frutificai”. O evento evangelístico é realizado anualmente no mês de outubro pela Igreja Assembleia de Deus (AD, congregação do povoado Engenho D’água. O Frutificai aconteceu nos dias 25, 26 e 27 deste mês.

No encontro  são realizadas visitas de evangelismo nos lares dos moradores e ação social com participação de profissionais da área de Saúde, do Direito, do Serviço Social, Cabelereiros dentre outros, a noite a programação ocorre por meio de  concentrações evangelísticas que são cultos com participação de cantores convidados, grupos vocais, apresentação de coreografia e ministrações da palavra de Deus, que neste ano contou com às participações dos pastores: Caetano Jorge Soares, de Caxias, Raimundo Nonato Branco, de Coelho Neto e Euvaldo de Sá, de Timon. Existe uma parceria entre às igrejas da Região Leste do Estado do Maranhão. 

Os irmãos Martins, estiveram atendendo ao convite do amigo e pastor Oziel Pinto líder congregacional na localidade e promotor do encontro evangélico. Ao chegarem no local do evento, logo foram recepcionados cordialmente pelo pastor Raimundo Pinto presidente da igreja AD na região. E um almoço em forma de confraternização foi oferecido tanto ao líder político Júnior Martins e ao vereador Edílson, como também às lideranças, pastores e inúmeros irmãos e irmãs assembleianas. 

A visita estendeu-se até o sítio e residência do irmão Totó, que é pastor como também é uma das referências comunitária no povoado Engenho d’água.  Em um bate papo, Totó relembrou com a família, e os dois amigos, os tempos em que Júnior e Edilson viajavam trabalhando nos ônibus de propriedade de seu pai José Rodrigues, a empresa transportava os passageiros de Caxias para os povoados naquela região. Totó recordou ainda do potencial produtivo do solo do povoado Engenho d’água. “Criei, eduquei e sustentei os meus filhos no ensino médio em Teresina no Piauí, só com o lucro da produção da acerola e do limão, coisa que eu jamais vou me esquecer,” falou com saudosismo o produtor rural Totó.

JM, reforçou que é possível melhorar a agricultura de subsistência: como produzir em larga escala para fortalecer a renda dos trabalhadores rurais. “A nossa região é muito rica, temos muitas nascentes de águas precisamos cuidar delas, a nossa terra é muito boa e se houver incentivo ao homem do campo, a nossa produção agrícola só tem a crescer”, disse Junior Martins. O líder político afirmou que fala hoje, com conhecimento técnico pois no exercício da função de diretor da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (AGERP), segundo ele lhe fez conhecer ainda melhor às prioridades do homem e da mulher do campo.
A conversa continuou junto às margens plácidas do riacho do engenho d’água, ao som do vento, ouvindo o ecoar do canto dos pássaros sentindo o cheiro das matas…
Na terra das palmeiras, do sabiá, onde outrora reinou Sinhá dos Castelos, com os Martins sempre assim amizades e elos.

Por: Ribamar Rodrigues