Publicidade [660x100]

Por decisão da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a venda de 26 planos de saúde pertencentes a 11 operadoras será suspensa a partir de segunda-feira (10). Motivada por reclamações dos clientes relacionadas a cobertura assistencial dos serviços, a medida protege os 75,5 mil beneficiários atendidos “com a assistência regular a que têm direito garantida”, afirma, em nota, a ANS.

Para que os planos voltem ao mercado, as operadoras devem comprovar melhorias no atendimento. Entre abril e junho de 2018, a ANS recebeu mais de 17 mil reclamações de natureza assistencial através de seus canais de atendimento. Destas, 16,1 mil foram consideradas para análise. No período, 93,2% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), garantindo resposta ao problema dos consumidores.

Com informações da ANS

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here