Publicidade [660x100]

O casal foi preso por suspeita da pratica do crime de estupro de vulnerável contra a filha da Luana, a criança L.C.F., de apenas 05 anos de idade.

Após a prisão Valdeir confessou que praticava atos sexuais contra a criança e afirmou que esses abusos eram praticados por ele em companhia de sua companheira Luana, mãe da vitima. O mesmo afirmou ainda que esses crimes eram praticados na casa do casal em rituais sexuais de magia negra onde havia a retirada de sangue deles três. O sangue era ingerido pelo trio e também introduzido com um objeto plástico, cilíndrico com formato aparente de um pênis, nas partes intimas (anus e vagina) dos autores e da criança vítima. Em seguida, após completarem o ciclo, Valdeir e Luana praticavam relações sexuais na frente da criança até que uma vela acesa no inicio do ritual se consumisse.

Segundo esse investigado, tais rituais já teriam ocorrido por 06 (seis) vezes e havia um outro ritual marcado para o dia 15/05/2019.
Luana no entanto negou todos os fatos relatados pelo companheiro.

Com informações do Minuto Barra

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here