Publicidade [660x100]

O estudante de 15 anos que sofreu agressões de outro aluno adolescente em uma escola no município de Timon no dia 24 de agosto deste ano, na cidade que fica a 450 quilômetros da capital, continua internado no Hospital de Urgência de Teresina.

Nesta segunda-feira (08), o HUT informou que o jovem está na Clínica Médica do hospital recebendo cuidados especiais, que não fala, não consegue sentar e nem caminhar, pois não tem controle do tronco. O HUT disse que o caso é delicado, mas que visto a gravidade do seu quadro clínico, o jovem está evoluindo bem.

Também de acordo com a assessoria do Hospital, não há previsão de novas cirurgias, pelo menos por enquanto, e não é possível prevê se ele ficará com alguma sequela. O garoto foi internado no HUT no dia em sofreu as agressões, apresentando ferimentos graves na cabeça e ficou em coma, mas já saiu. Ele está respondendo a estímulos e se recuperando aos poucos na clínica.

Entenda o caso 

As informações são que o adolescente teria trocado xingamentos com outro estudante, que o teria acertado com socos na cabeça. Os dois foram levados à diretoria e o agressor foi liberado para ir para casa, enquanto a vítima permaneceu na escola até por volta das 17h. Quando saiu, ao chegar em casa, relatou aos pais que o que estava passando.

Na época, a vítima passou por exame de corpo de delito. No boletim, o delegado Renato Cordeiro confirmou a agressão dentro da unidade escolar. Logo depois que foi internado e estava na UTI, passou por duas intervenções cirúrgicas na cabeça e permaneceu por dias em estado grave. Do Cidade Verde.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here