Publicidade [660x100]

As vésperas do Natal e de cumprir um ano de mandato, o prefeito mais contraditório da região leste maranhense, Fábio Gentil, realmente não vive mais uma lua de mel com sua aventura pública a frente do palácio da cidade.

O epílogo da conjetura Gentiliana, remete ‘de bate e pronto’ aos mais estarrecedores processos de degeneração política.

Crises de identidade nos clãs que compõe o QG da viuvá, pressões diurnas do grupo de vereadores G8 e o TCE  no calcanhar da transparência do município, são alguns dos galgares a serem destrinchados pelo republicano.

Além disso, Fábio Gentil tenta lhe dar, desde a gênesis do governo, com o amadorismo da assessoria de comunicação do município – incompetente do nome ao sobrenome, diga-se de passagem.

Entenda…

A equipe da prefeitura de Caxias, na tentativa de escaldar a impopularidade impregnada no prefeito, divulgou na última quarta-feira (29) que irá disponibilizar ônibus gratuitos para que a população caxiense possa acompanhar as apresentações do Natal Iluminado, o qual acontecerá no centro de cultura, nos dias 01 e 02 de dezembro

Entretanto, o que era para ser uma ação positiva, virou do avesso, a incompetência da ASCOM assumiu seus níveis mais preocupantes desde que Fábio Gentil sentou-se na cadeira do executivo, tudo porque o setor excluiu de forma impiedosa da lista, rotas para bairros distantes do centro da cidade – onde ocorrerá o evento, acentuando um processo de desvalorização das comunidades que encontram-se localizadas nos extremos do município.

Nas rotas divulgadas pela prefeitura, a ausência dos Residenciais: Vila Paraíso e Santa Teresinha, causaram constrangimento e revolta em milhares de caxienses, que foram as redes sociais protestar contra o prefeito e sua trupe.

Vexame da ASCOM ao deixar de fora residenciais do município das rotas gratuitas.

Não se sabe ao certo, se foi “burrice” ou nata incompetência dos que fazem a comunicação do prefeito, seja qual for o motivo, remete bem o perfil dos indivíduos que estão a frente dos cargos público no município, os quais são capazes de excluir milhares de caxienses, na sua maioria de baixa renda, da oportunidade de usar de forma gratuita as rotas da empresa de ônibus para acompanhar o Natal Iluminado

Espera-se que em 2018, na reforma das secretarias do município, a comunicação seja exorcizada, do contrário, a campanha do deputado Zé Gentil irá parar nas masmorras, igual a reputação do filho.

Com uma comunicação dessa, quem precisa de inimigos, não é mesmo Fábio Gentil?

Direto da redação/Caxias Online

LEIA MAIS: Maura Jorge pode perder a presidência do PODEMOS no Maranhão

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here